Elmord's Magic Valley

Software, lingüística e rock'n'roll. Às vezes em Português, sometimes in English.

Esse tal de mestrado

2014-02-12 02:08 -0200. Tags: academia, mestrado, em-portugues

Eu pretendia quebrar os últimos três meses de ausência com um post sobre a vida, o universo e todas as coisas, mas esse post não está com cara de sair tão cedo. Ao invés disso, apresento-vos um post de utilidade pública sobre como funciona a inscrição e a matrícula no mestrado no Programa de Pós-Graduação em Computação (PPGC) do Instituto de Informática da UFRGS. Alguns aspectos do processo são um tanto quanto obscuros/mal-documentados, e eu mesmo estou descobrindo aos poucos como as coisas funcionam. Minha idéia inicial era esperar até eu ter "todas" as informações relevantes para escrever; porém, até lá eu provavelmente já vou ter esquecido de metade delas (e, more importantly, das dúvidas que eu tive no processo), então vou começar a escrever com o que eu sei. Correções e coisas que eu descobrir posteriormente serão adicionadas a este post ou publicadas em outros posts com a tag mestrado. (Sim, todas as outras tags do blog são em inglês, mas não estou nem aí. Tal é a minha maldade.)

DISCLAIMER: Este texto baseia-se na minha experiência ao ingressar no mestrado em 2014/1. As regras e procedimentos descritos podem mudar em anos subseqüentes. As competências redatoriais do autor são questionáveis. Use por sua conta e risco. Dito isso, espero que estas informações lhe possam ser úteis.

POSCOMP

O primeiro passo para o ingresso no mestrado é a realização do POSCOMP, uma espécie de vestibular da pós-graduação em computação usado por diversas universidades do país. O POSCOMP consiste de 70 questões objetivas (20 de Matemática, 30 de Fundamentos de Computação, e 20 de Tecnologias de Computação).

As inscrições para o POSCOMP ocorrem por volta de julho, e a prova é aplicada por volta de setembro. A matrícula para o mestrado abre depois da realização do POSCOMP. Cada instituição decide como vai usar o resultado do POSCOMP. No caso do PPGC/UFRGS, exige-se que o candidato ao mestrado tenha realizado o POSCOMP no ano da inscrição ou no ano anterior, e que tenha obtido uma pontuação superior à média nacional (que em 2013 foi 30,7). A pontuação do POSCOMP é um dos critérios utilizados na seleção dos candidatos. Além disso, as bolsas de mestrado são dadas aos candidatos com maior pontuação. (Em 2013, foram selecionados 61 candidatos, dos quais 30 receberam bolsa.)

Se você não tiver feito o POSCOMP e não quiser esperar até o ano seguinte para entrar, o que você pode fazer é se inscrever como Aluno Especial no PPGC e ir cursando algumas das cadeiras enquanto não faz o POSCOMP. Tendo feito o POSCOMP, você pode se inscrever para o mestrado e pedir reaproveitamento das cadeiras já cursadas. Alunos Especiais não recebem bolsa, todavia.

Provas anteriores

As provas anteriores e gabaritos estão disponíveis no site da SBC e do COPS/UEL (que tem sido responsável pela aplicação das provas nos últimos anos). As provas e gabaritos de 2012 e 2013 encontram-se exclusivamente no site da UEL. As provas de 2010 e 2011 encontram-se em ambos os sites. As provas de 2002 a 2009 encontram-se apenas no site da SBC.

As provas de 2011, 2012 e 2013 já vêm com as respostas marcadas em vermelho, o que atrapalha o estudo. A solução que eu encontrei foi converter as páginas dos PDF em imagens e extrair apenas o canal azul (que tem intensidade 100% no fundo branco da folha e 0% no resto; o verde também serviria), usando o ImageMagick (pacote imagemagick no Debian/Ubuntu):

for ((i=1; ; i++)); do
    convert -density 150 "blablabla.pdf[$i]" -colorspace RGB -channel B \
            -separate -quality 80 prova-%02d.jpg || break
done

(Teoricamente, dá para especificar um intervalo de páginas para o ImageMagick, mas, pelo menos na minha máquina, ele come quilos de memória e leva um horror de tempo quando eu faço isso.) As outras provas possuem uma versão sem respostas. (As de 2009 para trás só possuem a versão sem resposta, com o gabarito separado.)

CUIDADO: há os gabaritos provisórios (divulgados logo depois das provas) e os definitivos (corrigidos depois de os alunos terem entrado com recurso). Todo ano cerca de duas a quatro questões acabam sendo corrigidas ou anuladas. Certifique-se de estar usando um gabarito definitivo quando estiver estudando.

Inscrição no PPGC

As inscrições para o mestrado no PPGC são feitas pelo site do PPGC. O edital contém um bocado de informação sobre a inscrição. Aqui listo alguns pontos que me parecem dignos de observação.

Ao inscrever-se, você pode escolher até três linhas de pesquisa de seu interesse, em ordem de prioridade. A cada linha estão associados um ou mais professores. Você pode escolher os orientadores de sua preferência, em ordem de prioridade, ou escolher "Qualquer orientador" na linha de pesquisa. Para descobrir o que faz cada professor, você pode consultar suas informações na página do PPGC, suas páginas pessoais (normalmente linkadas na página do PPGC), a pesquisa de currículos da plataforma Lattes, e seu mecanismo de busca favorito. Tendo se informado sobre um professor, você pode mandar e-mail para o mesmo para trocar uma idéia. Esse processo de catar professores em áreas de interesse e entrar em contato com os mesmos pode ser um tanto quanto demorado, então não deixe para a última hora.

O PPGC tem um bocado de professores (por volta de 60), então mesmo que sua área de interesse não se encaixe direito em nenhuma das linhas de pesquisa "oficiais" do PPGC, é bem provável que haja algum professor que trabalhe com algo próximo ao seu interesse. Assim, é uma boa idéia pesquisar e entrar em contato com os professores antes de concluir a inscrição.

Na inscrição, será exigido um comprovante de que você concluiu ou está em vias de concluir a graduação. No caso exclusivo de alunos da UFRGS, um comprovante de matrícula demonstrando que você está inscrito no trabalho de graduação é suficiente. Na inscrição, também é pedido um bocado de informações sobre o seu curso de graduação que em teoria podem ser obtidos na página do MEC. O formulário de inscrição é bastante ambíguo quanto às informações requisitadas, e eu não tenho muito o que lhe dizer a esse respeito. No caso exclusivo de alunos da UFRGS, você só precisa adicionar o curso de graduação, mas pode deixar os dados do MEC em branco. DISCLAIMER: esse procedimento não está descrito em lugar nenhum; eu descobri indo perguntar na secretaria do PPGC. Sendo assim, nada garante que o procedimento continuará válido nos anos seguintes, então é fortemente recomendado entrar em contato com o PPGC para perguntar como proceder.

A inscrição recomenda que você tenha um currículo na plataforma Lattes. Adicionar todas as informações no currículo é um processo que pode ser bastante tedioso/demorado, então é recomendável fazer isso o quanto antes (você pode fazer isso a qualquer momento, ao invés de esperar o período de inscrições, por exemplo).

Encerrado o período de inscrições, dá-se o processo seletivo. Se você escolheu mais de uma área ou mais de um orientador, em princípio a ordem em que você os escolheu será respeitada. (Os professores têm um número limite de alunos que podem orientar, então pode ser que sua primeira opção não seja atendida por falta de vagas.) Pode ocorrer de professores entrarem em contato com você para discutir outras possibilidades. Se você optar por um orientador diferente daquele que lhe seria atribuído segundo a ordem das suas escolhas, você terá que conversar com este para resolver a questão. NÃO deixe para fazer essa negociação de última hora, achando que tem até o final do processo seletivo para decidir. Embora isso não esteja escrito em lugar nenhum, o processo seletivo (mesmo antes da primeira chamada de divulgação de selecionados) é dividido em duas partes: inicialmente os selecionados são atribuídos aos orientadores de sua preferência, segundo suas escolhas na inscrição e eventuais negociações; depois dessa seleção, há um período de "repescagem", em que os candidatos que sobraram podem ser atribuídos a outros orientadores, mas em que as escolhas feitas na inscrição não têm mais a mesma prioridade. As negociações devem idealmente ser feitas antes desse segundo período.

[História da minha vida: escolhi um professor A na área X como primeira opção, e a área Y como segunda opção. Minha primeira escolha foi atendida. Porém, no dia 26/11, um professor B da área Y me mandou um e-mail perguntando se eu tinha interesse em trabalhar com ele e quando eu tinha disponibilidade para conversar. Como eu estava ocupado com o TCC e a data da primeira chamada que constava no calendário do PPGC era 13/12, deixei para conversar com o professor B apenas no dia 03/12. Turns out que a primeira etapa da seleção ocorreria no dia 05/12, i.e., eu só teria mais um ou dois dias para resolver o assunto. Eu tive sorte de conseguir conversar com os professores e outros alunos do PPGC nesse período e conseguir me decidir em tempo, mas foi uma situação bastante corrida e bastante estressante. Moral da história: não deixe para a última hora. The calendar is a lie.]

Se você for selecionado, alguns dias após a chamada você receberá um e-mail solicitando a confirmação de interesse no curso. Você deve seguir o procedimento descrito no e-mail; caso contrário, considera-se que você desistiu da vaga.

Matrícula

Uma vez selecionado, você deverá fazer sua primeira matrícula, que ocorre por volta de fevereiro. A matrícula é feita pelo Portal do Aluno da UFRGS. As instruções de acesso lhe serão enviadas por e-mail pelo PPGC.

O mestrado consiste de 24 créditos. O tempo recomendado de realização do mestrado é de dois anos; o PPGC recomenda que os 24 créditos sejam obtidos no primeiro ano, deixando o segundo apenas para a realização da dissertação de mestrado. A disciplina/atividade "CMP401 - Trabalho Individual I" é obrigatória e confere 2 créditos. A disciplina/atividade "CMP410 - Atividade Didática I" é obrigatória para os alunos bolsistas e confere 1 crédito.

[Update (10/09/2016): O número de créditos do mestrado mudou para 12. O Trabalho Individual não é mais obrigatório. A Atividade Didática continua sendo obrigatória para alunos bolsistas. Isso serve como um lembrete de que o regulamento muda ocasionalmente, então é importante dar uma conferida no regulamento atual.]

Ao entrar no mestrado, você deve montar um Plano de Curso, que especifica que cadeiras você pretende fazer ao longo do curso e em que semestres pretende cursá-las. A maioria das disciplinas são oferecidas apenas no primeiro ou apenas no segundo semestre. A lista de disciplinas oferecidas pode ser encontrada no site do PPGC. O plano pode ser adaptado no futuro, no caso de haver alterações nas disciplinas disponibilizadas nos semestres futuros, ou no caso de as disciplinas que você escolheu conflitarem em horários, por exemplo.

A página da matrícula (que é comum a toda a UFRGS) é separada da página onde se submete o plano de curso (que é específica do PPGC, e é a mesma página onde você fez a inscrição para o mestrado). Na matrícula você seleciona apenas as cadeiras que pretende cursar no semestre corrente, enquanto no plano de curso você seleciona todas as cadeiras que pretende cursar no curso. Cabe a você fazer a matrícula consistente com o plano. Freqüentemente, a súmula do site do PPGC é menos detalhada do que a do site da matrícula. A vida tem dessas coisas.

Tanto a matrícula quanto o plano do curso devem ser aprovados pelo orientador para serem aceitos. Assim, convém falar com o mesmo antes de fazê-los.

Bolsa

A bolsa de mestrado atualmente é de R$ 1500 por mês. Ela é oferecida apenas aos alunos que cursarem o mestrado com dedicação exclusiva (i.e., não estiverem realizando outra atividade remunerada em paralelo). As bolsas, teoricamente em número limitado, são distribuídas pela ordem de colocação dos candidatos no POSCOMP. A partir de que mês a bolsa é paga e o processo burocrático para recebê-la são coisas que eu descreverei aqui assim que obtiver essas informações.

Miscelânea

Não existe entrevista na seleção para o mestrado. A entrevista existe para o doutorado (acho).

Você tem que escolher uma linha de pesquisa e um orientador na inscrição, mas não precisa ter um tema de mestrado definido já no começo.

Depois de inscrito no mestrado, você deve realizar um exame de proficiência (de leitura?) em língua estrangeira (a qual é necessariamente inglês), mas eu ainda não sei como isso funciona.

Se você acha que alguma outra informação deveria ser inclusa aqui, deixe um comentário.

Comentários / Comments (9)

Marcus Aurelius, 2014-02-12 09:50:27 -0200 #

<voz-de-velho>No meu tempo,</voz-de-velho> não parecia tão complicado. Deve ser porque eu não tinha quase nada decidido e fui tudo no "tanto faz" e "tá bom do jeito que o orientador sugeriu", hahaha. Ou porque eu estava pensando mais na mudança para Porto Alegre do que qualquer outra coisa.

Exame de proficiência em língua estrangeira: aposto que tu faz com um pé nas costas, hahaha. Eu achei bem fácil. Acho que o meu aconteceu lá pelo meio do mestrado. Para doutorado ouvi dizer que são duas línguas (claro que todo mundo faz esp...anhol).


Vinicius Carvalho, 2014-09-16 13:21:11 -0300 #

Entrei em 01/2014 na UFPR, aqui no processo de seleção não é obrigatório o uso do POSCOMP (te-lo pode ajudar bastante a aprovação), entretanto quando o assunto é bolsas a nota do POSCOMP é levada a sério.
Assim la vou eu fazer o POSCOMP esse ano para tentar uma bolsa já que trabalhar e fazer mestrado é algo doloroso.

PS: obrigado pelo script para remover as cores das respostas


Vítor De Araújo, 2014-09-17 20:19:09 -0300 #

@Vinicius: Disponha. E boa sorte com o POSCOMP! :)


Eduardo Cortes, 2014-10-21 11:49:43 -0200 #

Quais os critérios que pesam mais no processo seletivo?
Publicações de artigos ou a área do TCC escolhida tem algum valor nesse processo?


Vítor De Araújo, 2014-10-21 17:45:19 -0200 #

@Eduardo: Pelo que eu entendo [DISCLAIMER: não tenho nenhuma autoridade para falar nada com certeza sobre isso], os professores orientadores têm bastante liberdade na hora de escolher os candidatos. Publicações e a área do TCC contam no julgamento subjetivo do professor em escolher um aluno para orientar, acredito, mas acho que não constituem nenhum tipo de "pontuação" objetiva (o único critério objetivo é a nota do POSCOMP mesmo).


João Gross, 2015-01-03 13:42:09 -0200 #

Muito úteis tuas informações sobre o mestrado da inf-ufrgs [google helped me to find it ;)]. Acabei passando do prazo de inscrição no mestrado, mas mesmo assim queria participar de algum forma. Bom saber que há a possibilidade de se matricular como Aluno Especial, no meu caso, aluno formado.

Abraços!


Vinicius Alves Hax, 2015-07-09 23:35:19 -0300 #

Vitor, tive o mesmo problema do caderno de prova do Poscomp que já vem com as respostas e poupei um tempinho com a tua solução.

Obrigado.

Abraço!


Rafael, 2016-09-19 16:36:21 -0300 #

Nossa, muito obrigado pela solução com o imagemagick. Tinha tentado trasformar pra grayscale mas ficou cinza as respostas :(! Funcionou perfeitamente :)


Vítor De Araújo, 2016-09-19 19:26:19 -0300 #

@Rafael: Disponha. :) Eu custei até pensar nessa solução, aí resolvi compartilhar. :)


Deixe um comentário / Leave a comment

Main menu

Posts recentes

Comentários recentes

Tags

em-portugues (213) comp (137) prog (68) in-english (50) life (47) pldesign (35) unix (34) lang (32) random (28) about (27) mind (25) lisp (23) mundane (22) fenius (20) ramble (17) web (17) img (13) rant (12) hel (12) privacy (10) scheme (10) freedom (8) copyright (7) bash (7) music (7) academia (7) lash (7) esperanto (7) home (6) mestrado (6) shell (6) conlang (5) emacs (5) misc (5) latex (4) editor (4) book (4) php (4) worldly (4) android (4) politics (4) etymology (4) wrong (3) security (3) tour-de-scheme (3) kbd (3) c (3) film (3) network (3) cook (2) poem (2) physics (2) wm (2) treta (2) philosophy (2) comic (2) lows (2) llvm (2) perl (1) en-esperanto (1) audio (1) old-chinese (1) kindle (1) german (1) pointless (1) translation (1)

Elsewhere

Quod vide


Copyright © 2010-2020 Vítor De Araújo
O conteúdo deste blog, a menos que de outra forma especificado, pode ser utilizado segundo os termos da licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International.

Powered by Blognir.